Single Blog

Configurando Datapack Custom

25/05/2014, Written by 0 comment

Olá, muitos dos que usam nosso painel acabam tendo dificuldades em conseguir atrelar a sua datapack/versão custom à funcionalidade do painel, para isto criamos este tutorial limpo e simples para que ninguém tenha esta dificuldade.

Recomendamos que você só siga esse tutorial se souber o que está fazendo, erros de compilação podem danificar seu sistema operacional do servidor. É necessário ter as sources do jogo para compilação.

– Passo (Compilando…)

Faça a compilação de suas sources e gere uma distro/executável. Caso não saiba aprenda nos nossos tutoriais.

Compilando TFS 0.2/0.3/0.4

Compilando TFS 1.0

– Passo (Pasta Data….)

Transfira sua pasta “data” para a pasta “/home/otserv/custom“.

Nota: Lembre-se que a pasta data possui milhares de arquivos e por isso você deve zipar a pasta e enviar o arquivo .zip. Depois aperte botão direito e extraia usando “extract” dentro do OTpanel.

– Passo (Executável compilado)

Depois de ter compilado e gerado uma distro/executável, mova para “/home/otserv/custom“.

– Passo (Auto Restarter)

Crie um arquivo chamado tfsAutoRestarter.sh na pasta custom adicionando
o seguinte script:

[code]
#!/bin/bash
ulimit -c unlimited

while true; do
./theforgottenserver >> data/logs/output.log &
PID=$!
echo $PID > theforgottenserver.pid
wait $PID
#./scripts/backupGames.sh;
sleep 2
done
[/code]

– Passo (Permissões)

Agora entre no SSH e digite o comando:
[code]
chmod 777 /home/otserv/custom/tfsAutoRestarter.sh;
[/code]

Verifique se seu distro/executável que gerou está com o nome exatamente igual a “theforgottenserver“. Se sim abra o SSH e execute estes comandos.

[code]chmod 777 /home/otserv/custom/theforgottenserver
chown -R www-data.www-data /home
[/code]

– Passo (Diagnóstico & finalizações)

Se você seguiu os passos calmamente e corretamente sua versão custom não terá problema para iniciar,você pode verificar usando nosso sistema de diagnóstico, se não tiver nenhum aviso de erro em vermelho você já pode rodar sua versão usando o botão “Play”.

Lembre-se de configurar corretamente o arquivo config.lua e também importar
sua base de dados.

 

Teve alguma dúvida? Poste aqui para lhe ajudarmos.

admin

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *